domingo, 17 de novembro de 2013

A inveja

       Não inveje os arrogantes!

"Com efeito, Deus é bom para com Israel, para com os de coração limpo. Quanto a mim, porém, quase me resvalaram os pés; pouco faltou para que se desviassem os meus passos. Pois eu invejava os arrogantes, ao ver a prosperidade dos perversos. Para eles não há preocupações, o seu corpo é sadio e nédio. Não partilham das canseiras dos mortais, nem são afligidos como os outros homens. Daí, a soberba que os cinge como um colar, e a violência que os envolve como um manto. Os olhos saltam-lhes da gordura; do coração brotam-lhes as fantasias. Motejam e falam maliciosamente, da opressão falam com altivez. Contra os céus desandam a boca, e a sua língua percorre a terra. Por isso, o seu povo se volta para eles e os tem por fonte de que se bebe a largos sorvos. E diz: Como sabe Deus? Acaso, há conhecimento no Altíssimo?  Eis que são estes os ímpios; e, sempre tranquilos, aumentam suas riquezas. Com efeito, inutilmente conservei puro o coração e lavei as mãos na inocência. Pois de continuo sou afligido e cada manhã, castigado. Se eu pensara em falar tais palavras, já ai teria traído a geração de teus filhos. Em só refletir para compreender isso, achei mui pesada tarefa para mim; até que entrei no santuário de Deus e atinei  com o fim deles.
Tu certamente os põe em lugares escorregados e os fazes cair na destruição. Como ficam de súbitos assolados, totalmente aniquilados de terror! Como ao sonho, quando se acorda, assim ó Senhor, ao despertares, desprezarás a imagem deles. Quando o coração se me amargou e as entranhas se me comoveram, eu estava embrutecido e ignorante; era como um irracional à tua presença. Todavia, estou sempre contigo, tu me seguras pela minha mão direita. Tu me guias pelo teu conselho e depois me recebes na gloria. Quem mais tenho eu no céu? Não há outro em quem eu me compraza na terra. Ainda que a minha carne e o meu coração desfaleçam, Deus é a fortaleza do meu coração e a minha herança para sempre. Os que se afastam de ti, eis que perecem; tu destróis todos os que são infiéis para contigo. Quanto a mim, bom é estar junto a Deus; no Senhor Deus ponho o meu refúgio, para proclamar todos os seus feitos." (Salmo 73. 1-280

Observe que o drama de Asafe, que escreveu esse Salmo; não é diferente do drama de muitos. Talvez seja seu drama ao ver uma pessoa que não tem nenhum referencial de pureza, de justiça, e de fé, uma pessoa desqualificada. Então, a inveja começou a tomar conta do seu coração  e ele disse; "Quanto a mim, porém, quase me resvalaram os pés; pouco faltou para que se desviassem os meus passos. Pois eu invejava os arrogantes." Ele continua descrevendo como eles vivem, parece que tudo dá certo para eles, enquanto que para mim que sou integro e estou na Casa de Deus, prece que as coisa não chegam assim tão facilmente.
Talvez tenha uma colega de escola que esteja vivendo de maneira contraria aos princípios do Senhor, mas que ganha um buquê de flores no dia dos namorados. Você, porém, que esta guardando sua virgindade, sua pureza, ganha apenas um sonho. Existem os momentos do "quase" em nossa vida. "Quanto a mim quase [...]", quase acabei, quase me desviei, quase deixei tudo para trás , quase deixei meus princípios, quase." Mas, há um momento em que o salmista disse: "até  que entrei no santuário de Deus e atinei com o fim deles." (Salmo 73.17) Na nossa vida é como termina que verdadeiramente conta, Jesus Cristo disse: "Pois que aproveitara o homem se ganhar o mundo inteiro e perder sua alma? Ou o que dará o homem em troca de sua alma? (Mateus 16.26)

"Tu certamente os põe em lugares escorregadios e os fazes cair na destruição. Como ficam de súbitos assolados, totalmente aniquilados de terror! Como o sonho, quando se acorda, assim o Senhor, ao despertares, desprezarás a imagem deles. quando o coração se me amargou e as entranhas se me comoveram, eu estava embrutecido e ignorante, era como um irracional à tua presença". (Salmo 73:18-22)
Quando uma pessoa entra pelo caminho da inveja, ela fica transtornada e embrutecida. Somente ela tem razão e ninguém mais tem direito algum. Mas, ele diz: "Todavia, estou sempre contigo, tu me seguras pela minha mão direita." (Salmo 73:23) Quando estamos em sintonia com o Senhor e o sentimento de inveja não toma conta de nós, podemos dizer com toda a força de nosso coração: Tu sempre estás comigo e o melhor da minha vida é a tua presença". O melhor da nossa vida é a presença do Senhor. A maior riqueza que possuímos é o Senhor.
  
                   Lembrem-se : Quem tem Jesus, tem tudo!

Nenhum comentário:

Os Direitos Humanos na perspectiva bíblica

Temos que reconhecer a dificuldade em definir exatamente o que são os direitos humanos. Alguns poderiam assumir que a noção de “direi...